Monumento a Pedro Álvares Cabral

Quem passa pela Avenida Pedro Álvares Cabral no sentido centro-bairro tem a oportunidade de ver um monumento no gramado do Parque do Ibirapuera, às margens do famoso Lago Ibirapuera e bem em frente ao prédio da Assembléia Legislativa de São Paulo. É o Monumento a Pedro Álvares Cabral, o assim conhecido “descobridor do Brasil”.

O monumento existe desde 10 de junho de 1988, dia de Camões, e foi inaugurado para marcar o início das comemorações no Brasil dos 500 anos da expansão marítima portuguesa.

A obra é um monumento grande composto pela figura de Pedro Álvares Cabral e elementos em concreto que simulam caravelas e ondas. A escultura em bronze que representa o navegador mede 5,5m de altura, e seu pedestal em mármore mede 2 m x 1,80 m x 1,84 m. Fixada no pedestal, à direita do navegador, há uma placa que traz gravada uma frase de Tancredo Neves: “A Portugal, devemos tudo: nosso sangue, a nossa história, a origem das nossas instituições livres, o espaço amplo que habitamos.”

Outra placa preta, desta vez pequena e na base anterior do pedestal tem a inscrição: “Pedro Álvares Cabral. Luiz Morrone. Agostinho Vidal da Rocha”.

Há ainda uma terceira placa, do lado esquerdo do navegador com os dizeres: “À cidade de São Paulo, homenagem do Conselho da Comunidade Portuguesa, sendo seu presidente o comendador Valentim dos Santos Diniz”.

O monumento teve o projeto arquitetônico de Agostinho Vidal da Rocha e foi realizada pelo escultor Luiz Morrone.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *